Notícias

12/04/2018Fisioterapia na artroplastia total de joelho

Rafael Pasqualinotti
Rafael Pasqualinotti

Mais conhecida como prótese total de joelho, a artroplastia é um procedimento indicado para casos avançados de artrose nos joelhos. Com dor constante e perda de mobilidade, pacientes com esta condição têm alívio dos sintomas após a cirurgia. “Em geral, são pacientes que não tiveram boa resposta aos tratamentos conservadores e têm, a partir daí, a indicação de passar pela artroplastia total de joelho, substituindo a articulação comprometida pela artrose por uma prótese”, explica o ortopedista João Paulo Guerreiro, especialista em joelho na Uniorte.

Antes de passar pelo procedimento, há a possibilidade de ser fazer algumas sessões de fisioterapia para melhorar o prognóstico. Quem explica é o fisioterapeuta Rafael Pasqualinotti. “Estudos recentes evidenciaram benefícios em pacientes que fizeram fisioterapia pré-operatória por um período de pelo menos um mês antes da cirurgia. Eles seguiram um protocolo de exercícios orientados que potencializaram os resultados”, afirma. Os exercícios  que Rafael se refere trabalham força muscular dos membros inferiores, reduzindo a dor e melhorando a amplitude do movimento. “Com isso, o retorno às atividades diárias também foi mais breve nestes pacientes”, acrescenta.

Os cuidados seguem após o procedimento. “É fundamental realizar a fisioterapia pós-operatória, para que o paciente retome as atividades mais precocemente. Aliás, a fisioterapia deve começar logo após a alta”, explica Dr. João Paulo. Em suma, ter acompanhamento da equipe médica e do fisioterapeuta habilitado antes, durante e após a cirurgia melhoram os resultados.

Galeria de Imagens

Convênios